Os profissionais que trabalham com dados

As áreas de banco de dados e análise de dados vêm crescendo muito nos últimos anos devido ao aumento exponencial do volume de dados produzido, entre outros fatores. Isso está gerando como consequência o aumento do número de cargos e funções relacionadas a estas áreas. Neste post vamos tentar organizar as áreas de atuação dos “data professionals”, explicando um pouco sobre quais são as atividades realizadas e o conhecimento necessário para cada profissão. Utilizei como fonte para identificar e detalhar as profissões anúncios de vagas que foram encontrados na rede social Linkedin.

A imagem abaixo mostra uma lista dos cargos que foram identificados.

profissoes_dados

A seguir, um resumo de cada uma destas funções:

Administrador de Banco de Dados (DBA): responsável pela configuração e manutenção dos servidores de bancos de dados, automatização de tarefas, geração de rotinas de backup, controle de permissões, prover soluções de alta disponibilidade, entre outras atribuições.

Administrador de Dados (AD): responsável pelo controle dos dados da empresa, realizando a integração entre os bancos de dados da organização e o mapeamento nos níveis lógico e conceitual.

Analista BI: deve ­participar da criação do processo de ETL, gerar processos que garantam a qualidade dos dados, aplicar técnicas de análises, criar cubos, KPIs, scorecards, dashboards, entre outras tarefas.

Arquiteto BI: responsável por identificar os requisitos para criação do data warehouse, definir a arquitetura do DW, os processos de ETL, staging, data quality, desenvolver modelos de dados que suportem os relatórios, otimizar a performance e resolver problemas técnicos relacionados a BI.

Desenvolvedor ETL: tem como função desenvolver e gerenciar rotinas de extração, transformação e carga para o ambiente de data warehouse, prover suporte analisando os resultados dos processos de ETL e gerar documentação dos procedimentos realizados.

Analista de Qualidade dos Dados (Data Quality): responsável por realizar a identificação e correções relacionadas à integridade e consistência dos dados, procedimentos de data validation, data profiling, data auditing, e gerar relatórios de monitoramento.

Analista de MDM (Master Data Management): tem como função trabalhar com dados mestres, realizando a integração de dados chave para o negócio, criar e aplicar padrões de governança de dados.

Analista de Mineração de Dados (Data Mining): aplicar conhecimentos dos algoritmos de mineração de dados (árvores de decisão, regras de associação, clustering…), identificar padrões, detectar fraudes, proporcionando soluções para problemas de negócio.

Analista de Relatórios (Reporting Analyst): gerar relatórios, KPIs e dashboards consolidando dados de negócio, financeiros e econômicos para consulta de executivos, gerentes e clientes.

Administrador Big Data: criar a gerar processos utilizando Hadoop, gerenciar processo de ETL, solucionar problemas operacionais e atualizar/ migrar softwares de Big Data.

Desenvolvedor Big Data: desenvolver aplicações de Big Data aplicando conhecimentos de Java, Pig, Hbase, Hive, NoSQL, processamento paralelo, entre outros.

Cientista de dados: aplicar técnicas de análise de dados e ciência de dados para resolver problemas de negócio, utilizar conhecimentos de NoSQL, MapReduce, Hive, Hadoop, Data Mining e estatística para auxiliar a tomada de decisão e a estratégia da organização.

Engenheiro de dados: construir e arquitetar a infraestrutura de Big Data, garantir que os sistemas de Big Data funcionem sempre sem problemas.

E quais destas profissões são as que possuem mais vagas atualmente? Realizei uma pesquisa rápida no Linkedin no dia 23 de janeiro de 2014, e o resultado foi o seguinte:

grafico_profissoes

 

A profissão de DBA, que é a mais tradicional, ainda é aquela que apresenta maiores possibilidades para entrada no mercado de trabalho. Por outro lado, nota-se a evolução na procura por cientistas de dados, profissional que está muito valorizado com o crescimento da área de Big Data– e é raro encontrar alguém com este perfil.

Espero que este trabalho de pesquisa tenha sido útil para profissionais de TI, recrutadores, pessoas que planejam trabalhar na área de “Analytics” e a quem mais estava confuso em meio a tantos cargos novos que surgem a cada dia na área. Até a próxima!

 

Sugestão de leitura relacionada: Blog do Luti – Carreira com o SQL Server http://luticm.blogspot.com.br/2012/03/carreira-com-o-sql-server.html

Anúncios

2 pensamentos sobre “Os profissionais que trabalham com dados

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s